Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Mais sobre mim

foto do autor


IMPRESSO PARA CANDIDATURA CORPOS SOCIAS




calendário

Abril 2007

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D


Desenvolvimento Infantil dos 0 aos 3 anos

Terça-feira, 10.04.07

Conhecer melhor o vosso filho ajudará a cuidar dele da maneira que ele gosta mais.

Logo que nasce, o bébé começa a aprender sobre o mundo que o rodeia e a revelar-se com i comportamento que o torna único.

Atrav s deste texto que vou transcrevendo ao longo deste blog, poderão conhecer as "habilidades" que os bébé s habitualmente fazem, desde o nascimento até aos 3 anos de idade. Com esta informação pretendo ajudar-vos a criar com ele uma relação mais forte e a  acompanhar passo a passo a evolução do vosso filho.

 

Assim como é importante pesá-lo e medi-lo regularmente para se avaliar o seu desenvolvimento físico, também é importante observar o seu desenvolvimento global, verificando se ele está a adquirir as tais "habilidades" próprias de cada idade.

 

 

 

O que eu faço com 1 mês:

 

  • Estou quase sempre a dormir. Por vezes, quando acordado, já quero endireitar a minha cabeça. mexo muito os braços e as pernas.
  • Olho muito para a minha mãe enquanto ela me dá de mamar e quando cuida de mim.
  • Quando oiço a voz da mãe ou do pai perto de mim, viro logo a cabeça e olho para eles.
  • Fico feliz quando os meus pais me falam ou pegam ao colo. Choro quando tenho fome, sono, dor de barriga, frio ou calor.

 

O que eu já faço com 3 meses:

  • Porque já durmo menos, olho com atenção à minha volta e gosto de ter companhia.
  • Quando estou de barriga para baixo, já levanto a cabeça e, ao colo, seguro-a bem.
  • Gosto de abrir as  mãos e brincar com elas. Quando me põem a roca nas mãos agarro-a, mas não sei o que fazer com ela.
  • Já queria falar, mas não s ó sei fazer uns ruídinhos .
  • Oiço com atenção quando a mãe canta para mim.
  • Sorrio muito quando a mãe, o pai e as outras pessoas me fazem gracinhas.

O que eu faço com 6 meses:

  • Sento-me sozinho alguns momentos e seguro muito bem a minha cabeça. De barriga para baixo, já consigo apoiar-me nas mãos e voltar-me.
  • Pego os brinquedos com a mão e levo-os à boca.
  • Já palro mais e começo a distinguir a voz da mãe e do pai.
  • Estou a ficar curioso e a descobrir muitas coisas bonitas à minha volta. Gosto muito de miminhos.

O que eu faço com 9 meses:

  • Sento-me muito bem e começo a querer gatinhar. Mudo facilmente de posição.
  • Passo os brinquedos de uma mão para a outra e atiro-os para o chão. Já quero apanhar coisas pequeninas no chão com o polegar e o indicador.
  • A minha voz está diferente. Imito alguns sons que oiço e repito-os.
  • Geralmente gosto mais que seja a mãe e o pai a pegar-me ao colo. Já bato palminhas e s vezes já digo adeus. Já como uma bolacha sozinho.

O que eu faço com 12 meses:

  • Quando me agarram a mão já dou uns passinhos. Descobri que é muito fácil levantar-me se me agarrar a uma cadeira.
  • Seguro um brinquedo em cada mão e sei procurá-lo quando escondido.
  • Já percebi que tenho nome e repondo quando me chamam.
  • Já digo mamã e papá.
  • Gosto muito que falem comigo e me dêem atenção.
  • Sei dizer não com a cabeça.

O que eu faço com 18  meses:

  • Ando bem e gosto de subir as escadas. Já faço umas corridinhas e adoro brincar s escondidas.
  • Gosto de abrir e folhear um livro de figuras e começo a conhecer algumas imagens, tais como o cão e o miau. Gosto de brincar e mesmos as coisas simples me servem de brinquedo.
  • Sei o que querem dizer algumas palavras e percebo quando a mais está aborrecida comigo. Vou buscar os sapatinhos quando a mãe me pede.
  • Gosto de estar à mesa com a família toda e uso a colher, mas sujo tudo!!! Já bebo água pelo copo sem entornar. Já conheço a casa toda.

O que eu faço com 2 anos:

  • Corro muito e sei dar pontap s na bola, sou muito curioso e gosto de experimentar as coisas; por vezes falo dói-dói.
  • Faço comboios com os meus carrinhos e sei arrumar os brinquedos na caixa. Já não os levo à boca.
  • Já sei o meu nome e digo muitas palavras mas nem todas se percebem.
  • Já sei onde estão as minhas mãos e os meus p s e ajudo a mãe ou o pai quando me estão a vestir. s vezes já vou ao bacio.

O que eu faço com 3 anos:

  • A mãe e o pai ensinaram-se que não devo andar a n«mexer nas coisas da cozinha e que na rua tenho que lhes dar a mão. Ando ao pé-coxinho e de triciclo.
  • Gosto de fazer rabiscos no papel e imito riscos e bolinhas.
  • Já falo muito e faço frases pequeninas. Já sei se sou menino ou menina.
  • Como na mesa e já não faço tanas porcarias. s vezes, quando preciso vou sozinho à casa de banho.
  • Quero vestir-me sozinho, lavar as mãos e os dentes. Mas ainda preciso de ajuda.

Estejam atentos ao desenvolvimento do vosso filho.

Não fiquem preocupados, caso o vosso filho não faça exactamente o que vos acabei de apresentar, pois entre as crianças há algumas variações no desenvolvimento.

Se tiverem dúvidas, não hesitem em conversar sobre elas com o médico do vosso filho.

 

Texto elaborado pela secretaria Nacional de Reabilitação.

Cumprimentos

Fernanda

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Escola Qtª Morgados às 19:17

Formação Sindrome de Asperger

Quarta-feira, 04.04.07

Antes de mais quero AGRADECER a todos.

 

 

Estiveram presentes no Auditório da Junta de Freguesia de Fernão Ferro, no dia 17/03/2007,  31 pessoas para  a Acção de Formação sobre  o Sindroma de Asperger .

 

Aos que pediram certificação informa-se que vai ser atribuída , pela Drª Isabel Santos, e assim que chegar à AP vos informo.

 

Só por curiosidade quem quiser pode consultar; no Jornal do Seixal 2ª quinzena Março, página 10 e ver a foto e noticia da Formação.;

 

Com os melhores cumprimentos

Fernanda

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Escola Qtª Morgados às 17:36




Contador de Visitas