Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Mais sobre mim

foto do autor


IMPRESSO PARA CANDIDATURA CORPOS SOCIAS




calendário

Julho 2008

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D


A pedido da Rede Social aqui vai: "Seixal Saudável"

Terça-feira, 01.07.08

Saúde Infantil
As crianças representam o futuro, o seu crescimento e a protecção da sua saúde devem ser uma das prioridades para todas as sociedades. Todos sabemos que as acções de vigilância na saúde infantil, pertinentes e de qualidade, têm um impacto muito positivo na vida das crianças.
O aumento do nível de conhecimentos e de motivação das famílias, a par da melhoria das condições de vida, têm favorecido o desenvolvimento da função parental. Os pais têm um papel muito importante como principais promotores da saúde dos seus filhos, no sentido em que devem promover e adoptar comportamentos saudáveis, entre os quais os relacionados com:
- visitas regulares ao médico
- a prática regular de exercício físico, a vida ao ar livre e em ambientes despoluídos e a gestão do stress
- o cumprimento do Programa Nacional de Vacinação
- a suplementação vitamínica e mineral, nas idades e situações indicadas.
- a saúde oral
- a prevenção de acidentes e intoxicações
- a prevenção dos riscos decorrentes da exposição solar
- a prevenção das perturbações da esfera psicoafectiva
- a alimentação,  adequada às diferentes idades e às necessidades individuais, prevenindo práticas alimentares desequilibradas. Esta última, constitui uma problemática actual e fundamental, na medida em que a aquisição dos hábitos alimentares resulta da obtenção de competências e saberes na infância, com reflexos na melhoria da qualidade de vida ao longo de todo o ciclo vital. Esta preocupação deve ter inicio no nascimento, uma vez que o leite materno é o único alimento que contém todos os nutrientes que a criança precisa durante os seus primeiros seis meses de vida, as gorduras e proteínas necessárias, além de vitaminas, do ferro, água e sais minerais.
 
Na praia, como proteger as crianças do sol?
 
As crianças têm características próprias que as tornam susceptíveis, aos perigos do sol. Elas passam mais tempo ao ar livre do que os adultos, recebendo, em média, três vezes mais raios ultravioletas do que os pais. Até aos 3 anos, a pele é muito fina e permeável, o que a torna muito sensível à desidratação e aumenta o risco de queimaduras solares.
Os médicos aconselham os seguintes cuidados a ter com as crianças, na praia: 
- Não expor os bebés directamente ao sol até que completem pelo menos 1 ano de idade
- Evitar o período de maior intensidade solar, entre as 11 e as 16 horas. Idealmente os mais pequenos deveriam ir à praia apenas até às 11 horas da manhã e ao fim da tarde. Uma regra prática e fácil é a seguinte: se a sombra é mais pequena que o nosso corpo, está na altura de evitar o sol; se é longa e fina há que aproveitá-lo
- Enquanto brincam na areia, as crianças devem usar uma camisola de algodão de cor clara, chapéu de abas largas e fato de banho
- Deve evitar-se deixar a criança completamente nua na praia, pois a areia nem sempre está limpa, podendo causar irritações ou infecções cutâneas
- Utilizar sempre um protector solar com factor de protecção adequado, nunca inferior a 20
- Aplicar o protector solar 30 minutos antes de ir para a praia e reaplicá-lo de 2 em 2 horas e após o banho, mesmo que o creme seja resistente à água Insistir nas zonas mais expostas, principalmente no rosto e nos ombros. E não esquecer áreas como as mãos, dorso dos pés, nariz, lábios e a zona em redor dos olhos
- Oferecer frequentemente água à criança a fim de evitar a desidratação Também se pode oferecer sumos naturais sem açúcar. São de evitar as bebidas gaseificadas, com cafeína ou ricas em açúcar porque podem agravar a desidratação
- Ensinar às crianças os cuidados a ter com o sol e a sua importância
 
Proteja a família e faça do sol um bom companheiro deste Verão!
Boas Férias :-)
Fernanda
 
• Redacção e Administração: Projecto Seixal Saudável
• Av.Dr. Arlindo Vicente, nº 68 B - Torre da Marinha, 2840-403 Seixal
• Tel.: 21 097 61 40 - Fax: 21 097 61 41
• Email: seixal.saudavel@cm-seixal.pt
http://www.cm-seixal.pt/seixalsaudavel

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Escola Qtª Morgados às 20:57




Contador de Visitas