Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Mais sobre mim

foto do autor


IMPRESSO PARA CANDIDATURA CORPOS SOCIAS




calendário

Fevereiro 2017

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D


Inicio das AECs

Segunda-feira, 04.10.10


Caros Pais,

 

No próximo dia 6 de Outubro iniciar-se-ão as Actividades de Enriquecimento Curricular promovidas pela Associação de Pais da EB1/JI de Pinhal de Frades.

 

Com a finalidade de tranquilizar os pais, uma vez que ainda subsistia a dúvida se as crianças poderiam ou não ficar nas instalações da escola durante os breves períodos de espera nos dias em que decorrem as AECs, transmitimos a informação, que foi dada a permissão para a sua entrada.
Deste modo, temos a garantia que não irá haver crianças em plena rua, à chuva e ao frio à espera dos pais ou da hora do almoço, tendo a escola ali ao lado e ainda sem prova dada que de facto perturbariam o bom funcionamento da mesma.

 

Voltamos a relembrar a necessidade do cumprimento dos horários, para que o transporte dos meninos funcione sem problemas e atrasos.

 

A Ass.de Pais.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Escola Qtª Morgados às 17:11

E-mail enviado para Jornais da localidade

Quinta-feira, 21.01.10

 

Apresentando em nome da Associação de Pais e Encarregados de Educação da EB1/JI da Quinta dos Morgados - Fernão Ferro, o ponto de vista dos Pais e querendo mostrar uma imagem mais nítida da nossa escola, que irá completar no próximo ano lectivo 30 anos de existência, expomos aqui a sua actual “radiografia”: 
 
Começando pelas infra-estruturas existentes, que são da responsabilidade da Autarquia do Seixal, é de referir que num edifício de 30 anos, temos muitos aspectos que há muito ultrapassaram os limites da sua vida útil. Parte destas grandes falhas, apenas se superam graças ao empenho, dedicação e imaginação dos nossos professores, que do pouco fazem muito.
Um dos pontos mais importantes, e por mais imaginação que tenhamos, não conseguimos mitigar, é a falta de um quadro eléctrico novo, pois apesar de ser algo que há anos é reclamado por pais e docentes da escola, ainda não foi concretizado. Foi no entanto prometido pelas últimas eleições, que se iria proceder a essa remodelação eléctrica tão necessária, mas como até hoje a triste situação ainda se mantém, o que se vive na escola diariamente, é um ambiente frio e húmido, pois não se podem ligar caloríficos ou desumidificadores nas salas de aula, que o quadro dispara. Não se podem ligar os computadores todos, que o quadro vem abaixo, tornando assim os tão falados Magalhães nuns ‘brinquedos’ caros para estarem em casa, inviabilizando o progresso informático das crianças na escola. O equipamento da cozinha não se pode usar, pois sempre que entra em funcionamento, origina falhas de energia. No final do ano que passou, ocorreu uma anomalia eléctrica, que fez com que 8 computadores, 2 fotocopiadoras e outros pequenos aparelhos eléctricos fossem queimados. Ora a nossa câmara atribui a responsabilidade à EDP, e aguarda-se que venhamos a ser ressarcidos desses bens, mas dita a experiência que a culpa morre solteira e que os prejudicados são sempre os mesmos. Será que estaríamos sem este equipamento e perante esta despesa se há altura já tivéssemos a prometida nova instalação eléctrica?      
As pequenas obras de manutenção efectuadas pela Junta de Freguesia, não são de todo suficientes para fazer face às constantes necessidades de pequenas e grandes reparações que esta velha e sobrelotada escola precisa, pois sempre que repara uma coisa, já temos outra a necessitar de arranjo. Temos graves problemas de infiltrações, temos paredes pretas e tectos com revestimentos esburacados, temos portas velhas que não fecham em condições, temos um telhado com amianto, temos canalizações velhas, temos enormes poças de água amarela no recreio quando chove, temos crianças a passar frio no Inverno e a assar no Verão e, temos também, uma grande falta de espaço. O que não temos é pessoal auxiliar suficiente para manter as instalações sempre limpas, não temos as paredes das casas de banho com revestimento cerâmico, não temos um telheiro até ao portão da rua, não temos uma biblioteca, não temos equipamentos no exterior para a prática de desportos com bola, não temos um espaço com equipamentos infantis com um chão em condições, não temos salas para dar apoio ao estudo, nem para as aulas de inglês e música do enriquecimento curricular.
Neste momento, estas aulas de enriquecimento curricular decorrem fora da escola, numa loja arrendada para ao efeito, que longe de ser a solução ideal, foi a melhor que até agora se pode encontrar. Por ser um espaço condicionado, onde as turmas se revezam, muitas crianças, a maior parte frequentando infantários, ficam injustamente de fora destas actividades, que devido às restrições dos horários, torna incomportável para as instituições fazerem constantemente o seu transporte. Já as crianças que frequentam as AECs (actividades de enriquecimento curricular) têm que se deslocar a pé entre a loja e a escola, atravessando uma das ruas com maior movimento de Fernão Ferro. São acompanhadas por duas auxiliares e um professor, e felizmente até hoje não houve nenhum incidente de relevo com as nossas crianças, mas sentimos que estamos a abusar da sorte. Já tentámos obter, por várias vezes junto da Autarquia, a autorização para a colocação de unidades climatizadas no recinto do nosso recreio, onde pudessem decorrer estas aulas, mas todas as vezes nos foi dito, que tal seria um retrocesso, e que não iria contribuir para a solução do problema, que a solução passará por uma nova escola prometida para abrir nos Redondos em 2008, 2009, 2010?   
E até lá? Pode vir a acontecer um atropelamento, que ninguém ocupando cargos eleitos pela população se sente responsável pelas consequências? Para os pais, as crianças são de facto o mais importante! E temos dificuldade em entender a dualidade de critérios de uma autarquia que priva as crianças do seu espaço de recreio com contentores para as eleições de 2009, mas que tarda em avançar para melhores soluções? Sabemos que todas as Autarquias lutam com falta de dinheiro, mas o que os pais gostariam de ver era um pouco mais de celeridade nas soluções, como foi no caso da colocação das papeleiras no recreio, que nos surpreendeu pela positiva. Existe felizmente, um excelente entendimento com as diferentes entidades políticas do concelho, mas queremos mais, queremos em conjunto e com rapidez, avançar para melhores soluções, para poder proporcionar a melhor experiência escolar possível, já que apenas se é criança uma vez e a infância passa num ápice.
Para finalizar, temos um problema que todos os anos cresce, e com a abertura da nova escola dos Redondos será insustentável para o nosso Agrupamento de Escolas de Pinhal de Frades. Este ano lectivo a Escola 2+3, já há muito em horário duplo, não teve capacidade para receber todos os alunos que a ela se candidataram, ficando cerca de 50 alunos (2 turmas) sem colocação no 5º ano. Estes alunos tiveram que ser distribuídos por outras escolas mais distantes da freguesia, facto que não teria acontecido se a tão prometida escola básica integrada, até ao 9º ano, em Fernão Ferro já estivesse concluída. Há anos que existe terreno reservado para a sua construção, mas não há vontade, nem visão política suficiente da parte do Ministério de Educação dos últimos governos, e porque não já agora, e tendo em conta o crescente número de alunos, porque não pensar um pouco mais além, numa escola até ao 12º ano, uma vez que a escolaridade obrigatória é até aos 18? E com pavilhão desportivo de origem, para evitar a grande falha da 2+3 de Pinhal de Frades, que desde a sua inauguração há quase 15 anos, reivindica e aguarda por um, e ao que parece a responsabilidade da sua não-construção ainda é discutida e atirada entre a Autarquia e o Governo, resultando apenas na privação dos alunos da prática de desporto. Tal como o hospital é necessário para o nosso concelho, esta escola é igualmente importante, e gostaríamos de ver o mesmo empenho de todas as entidades locais a pedir a sua construção. Pelo nosso lado, iremos fazer o que podemos, vamos pedir e dar início a um abaixo-assinado para entregar no Ministério da Educação, a demandar que pense no futuro da nossa nação, que passa obrigatoriamente por um direito primordial, o direito a uma boa educação, essencial e completa, em boas instalações e, se inicie um concurso para a construção de uma escola.  

 

http://www.roteirodoseixal.com/fileupload/pdf/JS.81%20LR.pdf

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Escola Qtª Morgados às 16:34

Uma palavra de Agradecimento

Quinta-feira, 13.11.08

Não se pode deixar passar a ocasião, sem agradecer a todos os PAIS que se empenharam generosamente e se envolveram de várias formas no lançamento das Actividades de Enriquecimento Extra-curriculares da EB1/JI da Quinta dos Morgados.

A todos eles, um grande bem-haja!

 

É também com grande alegria, que se verifica que os Pais das nossas crianças estão motivados e participativos noutros projectos, tal como a limpeza do recinto escolar e o da saúde oral, para o qual já temos vários voluntários, que generosamente oferecem o seu tempo para que todos os alunos possam usufruir deste plano.

Esperando que assim continuem e se lancem boas sementes, se criem raízes fortes, para que no futuro a nossas crianças colham bons frutos e bons exemplos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por Escola Qtª Morgados às 16:47




Contador de Visitas